<$BlogRSDURL$>

quarta-feira, setembro 29, 2004

A Sentinela (Anunciando o Reino de Jeová) 


A Sociedade Torre de Vigia é a editora da revista. A tiragem média de cada número ronda os 26.000.000 de exemplares. O objectivo da publicação é "enaltecer a Jeová Deus como soberano Senhor do Universo", exortar à "fé em Jesus Cristo, o agora reinante Rei designado por deus, cujo sangue derramado abre o caminho para a humanidade obter a vida eterna". A Sentinela publica-se desde 1879, sem interrupção, declara não ser política e "adere à Bíblia como autoridade".

Duas destas revistas impressas com modéstia e com fotos idílicas, de seres humanos finalmente pacificados, vivendo em harmonia uns com os outros, sem preocupações materiais, num clima benigno e num ambiente de fantasia e doçura, vieram parar-me às mãos. Fixei-me sobretudo no número de Agosto deste ano que desenvolve um assunto sério: "Um bom governo - onde pode ser encontrado?" A mesma cartilagem retórica de sempre: convocar citações exteriores ao universo intelectual da seita (Deus me perdoe), extraídas do seu contexto, instrumentalizando-as depois no sentido de legitimar as teses oficiais do grupo. Tudo num nível intelectual próximo da anemia, sem história e sem brilho. Com o horizonte da autoridade literal da Bíblia, sem qualquer contraditório.

Comments: Enviar um comentário